Início Editoras Parceiras Blogs Parceiros Autores Parceiros Contato undefined

6 de jun de 2012

Resenha: O Espião - Clive Cussler e Justin Scott

Informações:
  • Título Original: The Spy
  • Autores: Clive Cussler e Justin Scott
  • Editora: Novo Conceito (cortesia)
  • Páginas: 416
  • ISBN: 9788563219985
Sinopse: É 1908 e acumulam-se tensões internacionais enquanto o mundo caminha inexoravelmente para a guerra. Após um talentoso projetista de canhões de couraçados morrer em um aparente suicídio, sua filha, angustiada, recorre à lendária Agência Van Dorn para limpar o nome do pai. Van Dorn põe seu principal investigador no caso, Isaac Bell, que logo percebe que as pistas apontam não para suicídio, mas para assassinato. E quando se seguem outras mortes mais suspeitas, fica evidente que alguém — um ardiloso espião — está orquestrando a eliminação das mentes tecnológicas mais brilhantes... Mas isso é apenas o começo.



Resenha: Estava precisando de uma leitura com menos romance e mais ação e foi neste livro que encontrei o que queria. O Espião é praticamente pura ação e deixa o lado mais romântico de lado, apesar de termos algumas – poucas – cenas que em nosso querido detetive aparece com sua noiva. Mas em nenhum momento o livro foca no relacionamento entre os dois e isso foi um ponto positivo para mim no momento em que comecei a leitura.

Como já dito, é um livro repleto de ação, e que por isso nos deixa aflito em várias partes. Os autores narram com clareza a eficiência de Bell como detetive, sendo sempre ágil, inteligente e dificilmente passado para trás pelo tal espião. Não é um dos personagens principais em livros que mais me cativou, já que em nenhum momento mostra algum tipo de sentimentalismo maior e por isso é sempre um pouco mais frio, reservado e calculista, mas gostei do personagem principalmente por se encaixar perfeitamente nesse papel. Suas características peculiares, como modo de se vestir e frieza no olhar me fizeram imaginá-lo facilmente como um detetive real.

Apesar de o livro ter me agradado nesse aspecto e em momentos até ter me deixado sem fôlego com seus acontecimentos, algumas partes dele deixaram um pouco a desejar em minha opinião: não que o livro tenha sido de todo ruim, eu só esperava algo a mais que o que encontrei. O que esperava na verdade era um grande mistério que rondaria a trama. Pensei que junto com Bell iríamos descobrindo pouco a pouco quem era o tal espião, aquele tipo de história que nos engana até o fim, fazendo o leitor imaginar algo diferente do que realmente é. Mas o que acontece na história não é bem assim: já no começo no livro somos apresentados ao espião e, apesar de não deixar de ser interessante ver suas artimanhas para enganar o detetive e todos os outros personagens envolvidos, me decepcionou um pouco por esperar algo diferente e com maior participação do leitor.

Além disso, achei algumas partes um tanto cansativas e confusas por ser um livro mais voltado para a Marinha e seus navios e couraçados. Como sou extremamente leiga quando se trata disto, nos momentos em que a trama ficava mais focada nas peças e utilizava termos mais técnicos para explicá-las, me perdia completamente e entendia muito pouco do que estava acontecendo. Obviamente, com os acontecimentos que sucediam as explicações, na maioria das vezes podia ter uma ideia mais clara do que os personagens estavam querendo dizer naquele momento anterior, mas achei que a linguagem utilizada poderia ter sido um pouco mais simples, a fim de facilitar a leitura de quem não entende bem o assunto.
 
O desfecho do livro foi basicamente o que eu esperava. Muita ação, sangue e disputa que nos leva a acabar a história bem rápido e que me agradou bastante. Para ser sincera, foi uma das partes do livro que mais gostei: principalmente o último capítulo, onde vemos o futuro dos personagens que sobreviveram e que a meu ver ficou bem interessante e curioso, considerando tudo que acontece no desenrolar da história.

Com todos os pontos positivos e negativos, e depois de pensar por muito tempo sobre o que realmente achei do livro, acabei considerando-o como bom. A parte que realmente achei que valeu a pena da história além do desfecho, foi como por vezes os autores conseguiram me deixar sem fôlego e esperando pelos próximos acontecimentos. Mas a história não me surpreendeu e nem me agradou como pensei que fosse. Mesmo assim, principalmente aos que se interessam por navios, guerras e disputas, é uma boa leitura.

Nota: ☻☻☻☺☺ (Bom)

16 comentários:

  1. Oi Andressa!
    Eu tenho esse livro, mas ainda não li. Agora estou com receio de não gostar porque, apesar de gostar de livros com bastante ação, não curto histórias de guerra.
    Não sei se quero ler :/

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  2. Oi Dessinha!
    Que pena que o livro não te agradou tanto, mesmo com as muitas cenas que te deixaram ansiosa pelo que estava por vir.
    Espero conseguir gostar mais do livro, pois adoro essas histórias de espião; talvez o fato de nós já sabermos quem ele é desde o começo faça perder um pouco da graça, ainda assim estou bem ansiosa para conferir a história. Já tinha ouvido falar dessas expressões navais mesmo, deve ser chatinho, mas geralmente não me incomoda tanto - me acostumei depois de ler tanto Julio Verne hehe
    Beijão!

    ResponderExcluir
  3. Oii, este livro neste momento está aqui ao meu lado dizendo "leia-me" e eu estou adiando. Já tinha lido resenhas que falavam a respeito dos termos técnicos (que não me incomodam tanto assim) e de algumas partes cansativas, desxcritivas demais.
    Acho que o fato de já sabermos quem é o espião se deve ao fato de ser um livro de ação e não suspense, enfim, ainda não sei o que esperar porque apesar de todos dizerem que é eletrizante em alguns momentos, ninguém diz que o todo é fabuloso.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Oi Dessa!
    Eu adorei sua resenha, parabéns!
    Não tenho muita vontade de ler o livro por conta desses pontos baixos que você citou. Eu já havia lido sobre eles em outras resenhas, e isso me desanimou. Acho que esperava algo mais como o que você também esperava, e não estou querendo me arriscar, no momento, em leituras que sei que há uma grande probabilidade de eu não me envolver!
    Beijão!

    ResponderExcluir
  5. Oi Dessa
    eu ainda não peguei esse livro, justamente pelo contrário: tô precisando de romance sabe, leitura bem mulherzinha rs
    Gosto de livros de espionagem, e se envolve a marinha, navios e etc já me prende a história, pois sou fissurada.
    Pena que o livro não empolga tanto no quesito enredo.
    bjos

    ResponderExcluir
  6. Ei Dessa, sanguinária você hein? hehe
    Brincadeiras à parte, às vezes precisamos mesmo de emoções, e que bom que o livro conseguiu trazer isso. Acho uma coisa bem chata quando começa a tratar de termos técnicos, além de ser coisas que não entendemos, nos deixa entediadas algumas vezes. Mesmo assim, conforme você citou, parece um livro bom.

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Gosto muito de livros desse gênero; principalmente quando não quero tomar um porre literário

    http://enfimshakespeare.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi Andressa,
    estou mega ansiosa pra ler esse livro, mas já li algumas resenhas e vi esses mesmos pontos negativos, ai pensei em esperar mais um pouco rs, ai não me decepciono tanto com o livro.
    Adorei sua resenha flor :) como sempre está de parabéns.

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Oi Andressa, gostei muito da sua resenha e de saber a sua opinião do livro O Espião. Pra falar a verdade, esse é um livro polêmico, tem muita gente que não gostou, mas ao mesmo tempo há quem gostou, portanto foi legal saber sua opinião. Mesmo gostando muito do gênero, ainda tenho um pé atrás com esse livro..

    Abraços
    Caique Fortunato
    http://entrepaginasdelivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. É... Um livro que leva "Espião" como título nos dá ideia de uma trama cheia de mistérios carregados de suspense e suposições. Eu confesso que só pelo título me interessei muito e até participei de promoções dele sem nem ler resenha...
    Mas a sua resenha, de certa forma, me desanimou um pouco. Claro, ainda assim parece ser um ótimo livro, mas aqueles mistérios aterradores, que chega a nos fazer sentir dor ao fechar o livro, são sempre cativantes e muito bons.
    Eu ainda pretendo lê-lo, mas ele avançou mais atrás na minha lista de desejos agora. xD
    Ótima resenha!
    Abraço.

    ResponderExcluir
  11. Não sou muito chegada a livros sobre guerra, nem ação. Curto mais um romance bem lindo e anjos, vampiros etc rs.
    Mais me pareceu bem diferente e interessante. Não tenho o livro, mas caso venha a ganhar ou comprar posso mudar de opinião.
    Tem Resenha do livro Luminoso. 2º vol. da serie Riley Bloom.
    Passa lá!
    manuscritodecabeceira.blogspot.com
    Bjs.

    ResponderExcluir
  12. Acho que não gostarei do no livro...
    Att.,
    Luks

    ResponderExcluir
  13. Oi Andressa!

    Faz um bom tempo que estou com esse livro aqui, mas ainda não me animei a lê-lo acredita?
    A sua resenha me deixou com mais preguiça ainda de pegá-lo... hehe
    Mas, uma hora dessas vai!!

    Bjoo!

    ResponderExcluir
  14. Olá, eu estava cheia de expectativas quanto a esse livro. Pretendo ler ele em seguida, mas foi bom ler sua resenha no sentido de me manter ciente que terá partes boas e partes nem tão boas. Gostei da resenha.

    ResponderExcluir
  15. Dessa, sinceramente não tenho a mínima vontade de ler O Espião, mas algumas críticas foram positivas (como a vídeo-resenha do Julio), então percebe-se que são gostos diferentes. Há gostos e gostos. Eu, particularmente, não me interesso porque não é meu estilo preferido, ainda mais com termos navais e etc. Não gosto mesmo.
    Que bom que você conseguiu ler e gostar, né, Dessa?
    Beijão!

    ResponderExcluir
  16. Olá!!

    Confesso que estou relutante em ler esse livro... acho que mais por causa de a capa me lembrar anime e não me instigar muito. Uma capa influencia sim na vontade de ler um livro, pelo menos para mim.

    No momento estou mais para romances, então acho que só lerei esse livro depois. xP

    Gostei bastante da sua resenha, já que apresenta diversos pontos do livro... Parabéns.


    Beijos,

    Samantha Monteiro
    Word In My Bag
    http://wordinmybag.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir