Início Editoras Parceiras Blogs Parceiros Autores Parceiros Contato undefined

26 de dez de 2012

Resenha: Halo - Alexandra Adornetto


Informações:
  • Título Original: Halo
  • Autora: Alexandra Adornetto
  • Editora: Agir
  • Páginas: 472
  • ISBN: 9788500331091
Sinopse: Três anjos são enviados à Terra com planos de se misturarem aos humanos para assegurar a paz e trazer a bondade: Gabriel, o Herói de Deus, um antigo guerreiro que se disfarça de professor de música; Ivy, serafim abençoada com poderes de cura; e Bethany, a mais nova e inexperiente do grupo, enviada como uma jovem estudante para aprender sobre a humanidade. Após Bethany se encantar com a vida humana, ela começa a viver todas as experiências de uma adolescente normal, até se apaixonar por um rapaz e colocar toda a missão em risco. As forças do mal se aproveitarão dessa situação para pôr seus planos malignos em prática. Um romance de tirar o fôlego, que responderá a pergunta: será que o amor é forte o suficiente para vencer as forças do mal?


Resenha: Quando decidi me inscrever para o booktour de Halo estava ciente dos comentários negativos que o livro tem gerado nos leitores mas mesmo assim me senti tentada pela sinopse a dar uma chance ao livro e, assim, tirar minhas próprias conclusões de sua história. Apesar de não estar arrependida de minha decisão, infelizmente o livro acabou não agradando a mim também, o que é uma pena já que a história poderia ter um grande potencial se alguns pontos fossem diferentes.

Apesar de livros com essa temática não serem raros hoje em dia, gostei da trama criada pela autora. Foi, na verdade, o que acabei gostando mais em meio a tantos outros pontos que na minha opinião ficaram um pouco a desejar. Logicamente é uma história que só agradará fãs do gênero, que mistura ficção com um toque de romance, mas gostei muito da idéia da autora de trazer os anjos para viver entre nós.

Por outro lado, o ponto que mais me desagradou no livro foi a protagonista. Bethany é extremamente infantil e inconsequente, e apesar da autora muitas vezes associar isso à falta de experiência dela em relação à vida na Terra, isso em nenhum momento chegou a me convencer. Não foram situações que me fizeram ver que Beth tinha mesmo certa dificuldade em viver entre os humanos, mas sim mais uma adolescente querendo mostrar rebeldia e maturidade que não possuía, o que só a tornava cada vez mais infantil a meu ver.

Achei também o romance do livro um tanto fraco. Não senti a conexão necessária para um amor tão narrado como profundo entre Bethany e  Xavier, já que as palavras que um dizia ao outro me passavam um ar de serem forçadas ou estarem ali apenas para provar esse amor. Não torci pelo casal e até cheguei em um ponto que não ligava se os dois terminassem juntos ou não, o que é um problema para aqueles que gostam de livros que tocam com os romances que descrevem.

Por fim, o livro para mim não passou de regular pois, apesar de possuir uma boa ideia inicial de trama, a autora não conseguiu aproveitá-la ao máximo. Com diálogos fracos, romance sem sal e uma história que poderia ter sido diferente, Halo acabou me decepcionando e agora não tenho vontade alguma de ler a sequência, Hades. Talvez funcione para outros leitores, mas infelizmente para mim não funcionou.

Nota: ☻☻☺☺☺ (Regular)


9 comentários:

  1. Ai, também achei a Bethany uma rebelde sem causa hahaha. A autora poderia diminuir a narrativa em muitos pontos (já que, às vezes, é um pouco cansativa) e trabalhar um pouco mais nela, justamente para nos convencer que ela tinha noção do que estava fazendo, que era errado. Assim, ela poderia resistir um pouco, lembrar dos princípios e só quando nós estivéssemos realmente convencidos do amor dos dois, eles se envolveriam. Achei fácil, dada a condição dela.

    Também achei as declarações de Xavier beeeem idealizadas rs. Todo mundo quer ouvir aquilo, mas naturalidade, cadê?

    Bem, pra mim, foi um livro mediano. Até tenho a sequência, mas não vou ler por agora.

    Beijo!

    ResponderExcluir
  2. Pois então, os comentários negativos não eram infundados, né, Dessa? Hahahahha agora sim que mantenho distância total desse livro! Esse foi um dos poucos da onda Anjos que não me chamaram atenção, hahha
    Beijão!

    ResponderExcluir
  3. Ainda não li comentários a respeito de Halo, mas digo que o tema não me agrada, ou talvez seja por que o assunto é tão repetido. Mas confesso que ultimamente ando meio enjoada para esses tipos de romance, ainda mais sendo sobrenatural, rsrs. Provavelmente me irritaria com a Beth tanto quanto você, Dessa! Hehe

    Beijão

    ResponderExcluir
  4. Dessa, pela sua resenha, estou surpresa pelo livro não ter sido apenas uma estrela haha parece ser péssimo, sério. Não tinha a menor vontade de ler e agora menos ainda, se é que isso é possível. Criei uma raiva da protagonista só de ler o que você escreveu. Um romance que a gente pouco se importa se o casal vai ficar junto ou não só pode ter sido muito mal escrito, sem nenhuma conexão com o leitor. É inconcebível.
    Gostei da resenha!
    Beijão, querida! ^^

    ResponderExcluir
  5. A única coisa que me atrai nesse livro é a capa.

    ResponderExcluir
  6. Eu gostei do livro e em 2013 pretendo conhecer a sequência dele.
    Aproveito para desejar um 2013 repleto e realizações e cheio de amor, paz e saúde!

    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  7. Há tempos quero ler esse livro, e esse ano eu consegui trocar ele e em 2013 sem falta eu leio. Eu espero gostar, apesar de muita gente não ter gostado, ainda acho que eu vou adorar. Sempre acabo gostando dos livros que o pessoal não gosta, rs.

    Beijos,
    Mandi - Book and Cupcake.

    ResponderExcluir
  8. Oi flor,
    Olha juro que quando o livro foi lançado fiquei muito curiosa pela leitura, mas depois quando comecei a ler as resenhas percebi que o livro não iria fazer falta pra mim.
    Nas maiorias resenhas que li vi o mesmo que você escreveu que o leitor nem se importa se o casal vai consegui ficar junto no fim.
    Parabéns pela resenha ^^
    Beijos

    Mari - Stories And Advice

    ResponderExcluir
  9. Para quem não sabe... (e são poucos os que sabem! Eu sei graças a minha antiga professora de inglês e a música da Beyoncé!) Halo= auréula (aquela "bambolê" em cima da cabeça dos anjos!). Beijos... amei o blog!

    ResponderExcluir