Início Editoras Parceiras Blogs Parceiros Autores Parceiros Contato undefined

11 de mai de 2012

Resenha: O Mistério do Chocolate - Joanne Fluke

Informações:
  • Título Original: Chocolate Chip Cookie Murder
  • Autora: Joanne Fluke
  • Editora: Lua de Papel (cortesia)
  • Páginas: 256
  • ISBN: 8563066854
Sinopse: Hannah Swensen é uma confeiteira ruiva que cria sobremesas e cookies tão mordazes quanto suas respostas atrevidas na pequena cidade de Lake Eden. Quando Ron LaSalle, o entregador mais querido da cidade é encontrado morto atrás de sua confeitaria, tendo os famosos cookies de chocolate de Hannah espalhados ao seu redor, sua vida e seu negócio só pode piorar. Determinada a não permitir que seus cookies fiquem com má reputação, ela decide começar a investigar o crime, colocando também sua própria vida em risco.
Resenha: O Mistério do Chocolate é o primeiro volume da série Hannah Swensen Mysteries. Primeiramente o livro chama a atenção pela capa diferente, brilhosa e com uma deliciosa imagem de chocolate, de deixar qualquer um com desejo. Ao ler parte da sinopse, fiquei ainda mais curiosa para lê-lo: um suspense que contém receitas? Deve ser uma ótima pedida!

O livro gira em torno de um assassinato brutal e aparentemente sem explicações. Hannah, a protagonista da história, é uma personagem com personalidade forte e que não tem papas na língua. Apesar de estar tentando se controlar quanto à isso, muitas vezes vemos Hannah falar e agir exatamente como pensa, como que por impulso. Como ajudante de seu cunhado policial na solução do caso de assassinato, ela faz esse trabalho praticamente sozinha, deixando Bill apenas de plano de fundo em suas investigações. Obviamente, ela se mete em algumas enrascadas e em situações que não deveria, dando um pouco de movimentação à trama.

Mas o personagem que considerei o mais cativante da trama não é um humano. Moishe, gato da protagonista, me surpreendeu por sua inteligência animal, que em alguns momentos parece até um tanto humana. É um gato muito simpático e fiquei um pouco desapontada por ele ter sido deixado mais como um plano de fundo para as idas e vindas de Hannah à sua casa. Moishe gosta de assistir TV enquanto sua dona está fora e parece sempre perceber quando ela está prestes a deixá-lo novamente sozinho. Seria interessante, e até mesmo engraçado, se pudessemos ver mais cenas dele na história.

O que mais gostei do livro, na verdade, não foi todo o mistério que a envolve. Gostei da ideia da autora de introduzir em meio aos capítulos as receitas dos tão famosos cookies da loja de Hannah, a Jarro de Cookies. Apesar de algumas das receitas aparentarem um tanto complicadas, outras são bem simples e parecem deliciosas! O legal é ver os personagens da própria história comentarem dos maravilhosos cookies que nós mesmos podemos fazer em casa. Ainda não tive oportunidade de fazer nenhuma receita, por falta de ingredientes, mas com certeza depois farei.

O desfecho do livro foi agradável e, como um bom mistério, não sabemos quem é o assassino até o final. Eu, particularmente, não imaginava quem fosse até no máximo 40 páginas antes de terminá-lo. Mas, apesar de solucionado o caso, obviamente o livro terá continuação e isso pode ser notado já que muitas pontas da vida pessoal de Hannah ficaram em aberto para o próximo volume.

Quando comecei a leitura, o livro foi basicamente o que esperava que fosse: um grande mistério a ser solucionado e vez ou outra me deixando com água na boca. Mas, apesar de não ser uma história ruim, acabei desanimando um pouco com a leitura lá pelo meio do livro e só voltando a me empolgar com ela no final. Por vezes a história pode ser um pouco descritiva demais, narrando fatos cotidianos que não seriam necessários para o entendimento dela e acho que isso acabou me cansando um pouco.

Num todo, foi um livro bom. Esperava algo mais, um mistério mais sangrento e violento, mas acho que não foi bem o que autora quis passar. Ela procurou um livro de suspense mais leve, as vezes divertido e misturado ainda com a culinária. Agora aguardo pela continuação, que pelo nome parece tão apetitoso quanto este: O Enigma do Morango.

Nota: ☻☻☻☺☺ (Bom)

13 comentários:

  1. Oie!
    Lindo o blog, minha primeira vez aqui ^^

    Ah, chocolate...! Hum..! Amo, sou apaixonada..!
    Talvez esse livro vá para a minha lista de compras..

    Bjs,
    Ariane;)

    ResponderExcluir
  2. eu tmb esperava um mistério sangrento shahsuhahs, mas como eu amo chocolate e estou louca para fazer essas receitas de cookie rs, preciso ler esse livro.
    bjos

    ResponderExcluir
  3. Oi flor,
    Ah quando vi a capa imaginei algo super diferente da sinopse, pensei que fosse um romance algo do tipo, mas quando li a sinopse fiquei com aquela curiosidade de ler o livro.
    Gostei bastante da sua resenha, gosto de livro mais leves também , então acredito que vou gosta desse.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Pela cpa eu nunca poderia imaginar um livro de suspense, onde se tem que desvendar um assassinato. Parece mais livro de culinaria, de tanta agua na boca que da. rs.
    Mas gostei muito da ideia da autora. Misturar o suspense com receitas. Afinal, esse suspense deve dar fome em muita gente. rs.
    O segundo livro parece ser delicioso tambem. Quero os dois!

    bjs.

    ResponderExcluir
  5. Oi flor, é a primeira resenha que leio do livro e fiquei EXTREMAMENTE louca para lê-lo....
    O modo simples de que provavelmente a história se desenvolve me cativou! Adorei a sua resenha, bem sincera!

    Beijos

    Lendo de Tudo

    ResponderExcluir
  6. Oi Dessa!
    Estou curiosa por essa leitura!
    Gosto de suspenses e, pela capa, eu imaginava mesmo que seria algo mais leve, mais divertido.
    Quero saber depois do resultado de suas receitas ^^
    Beijão!

    ResponderExcluir
  7. Acho que ia gosta do livro, apesar de você não ter gostado exatamente do mistério que o envolve, isso foi o que mais me chamou a atenção e claro, a ideia das receitas.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Oi Dessa, uma coisa que eu nunca imaginaria desse livro é o suspense. Eu não gostei da capa, então acabei passando batida pela sinopse ;x Mas gostei do que você falou na sua resenha, ainda mais as tais receitas de cookies, uma pena que ele fique um pouco cansativo.

    beijos

    ResponderExcluir
  9. Um suspense com receitas culinárias me chamaria a atenção também, não sou muito intima de cozinha, receitas, etc, a não ser pra comer. rs Mas pela sua resenha, achei o livro bem leve e interessante, só tinha visto a capa desse livro por aí, nos posts de Páscoa, é realmente de dar água na boca *O* Mas no geral, achei o livro agradável pela sua resenha, quem sabe eu leia ele ><

    Beijos
    Meu outro lado

    ResponderExcluir
  10. Olha, quando você citou a parte do 'descritivo demais' eu acabei desanimando. Detesto livros assim.
    Mas bem no finalzinho da sua resenha, quando você disse que era um livro com uma mistura que pra mim pareceu bem diferente do que eu to acostumada a ler, isso me aguçou um pouco sabe? Gosto de livros assim.
    Enfim, parece ser um livro que leria para passar o tempo em algum lugar.

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
  11. Hahaha uma mistura e tanto! Suspense e Culinária, rsrsr
    Não tinha muita vontade de ler o livro, não, Dessa, mas agora confesso que fiquei interessado. Nunca li nenhum livro do tipo e seria uma experiência diferente.
    Mesmo que a parte do suspense tenha deixado a desejar, gostei da ideia do livro. Adoro gatos, aliás!
    Beijão, Dessa!

    ResponderExcluir
  12. Oi Dessinha!
    Estava super curiosa para ler a sua opinião sobre esse livro. Isso porque, sempre que estou lendo algum livro em conjunto com outra blogueira, fico querendo saber quais foram as impressões, mas ao mesmo tempo não as leio até escrever as minhas próprias (isso faz sentido?) rs Então assim que terminei de escrever vim correndo aqui pra ver! ^^
    De fato, o nome da continuação é mesmo apetitoso, diria até que mais, do que o título do primeiro. Aliás, não vi muito sentido na tradução, afinal de contas o mistério não é do chocolate em hora alguma, mas tudo bem rs
    Também gostei da história, é bem leve, quase um chick-lit não é mesmo? Acho que fomos um pouco diferente na questão de que eu particularmente não me envolvi tanto assim no mistério, gostava exatamente, desses fatos mais corriqueiros do cotidiano da Hannah, que você mencionou.
    O que mais gostei foi vivenciar o dia a dia dos habitantes da cidade, eles são tão engraçadinhos. Também gostei muito do gatuno laranja haha
    Por mais que tenha gostado da história, a trama em geral não é das mais verossímeis por assim dizer. Achei meio sem sentido todo esse envolvimento da Hannah com o crime, sabe? Quando ela não era ao menos, muito amiga do morto, nem nada do tipo. Ainda mais tem o fato da sinopse dizer que ela o faz por temer a má reputação dos seus cookies, e isso em hora nenhuma acontece, por sinal; os cookies estão mais famosos do que nunca.
    Apesar de ter adorado o Bill, não acho que ele mereça o cargo de detetive, pois ele não fez absolutamente nada para merecê-lo - pelo contrário - ainda ia pedir ideias e opiniões dela a todo momento, o que não fazia o menor sentido, parecia que ele era o amador, e ela a profissional.
    No mais, é bem agradável e gostosinho de ser lido; principalmente por causa das receitas maravilhosas.
    Adorei a resenha, muito bom conhecer o seu ponto de vista! ^^
    Beijão!

    ResponderExcluir
  13. Já li a resenha da Duda hoje e somando e subtraindo, vocês opinaram a mesma coisa.
    Sinceramente, capa/título afastam leitores, esse livro podia ir pra coluna da Mi "parece, mas não é" porque não tem cara de suspense :/
    deve ser bom -diferente- uma confeiteira bancar a detetive, mas acho que o Bill deveria ter mais destaque, se bem que em 15 volumes em algum momento ele deve receber destaque.

    www.amorporclassico.com

    ResponderExcluir