Início Editoras Parceiras Blogs Parceiros Autores Parceiros Contato undefined

20 de set de 2011

Resenha: Todo Mundo que Vale a Pena Conhecer - Lauren Weisberger

Informações:

  • Título Original: Everyone Worth Knowing
  • Autora: Lauren Weisberger
  • Editora: Record
  • Páginas : 496
  • ISBN: 8501077496

Sinopse: Bette Robinson só anda apressada pelas ruas de Manhattan, correndo pra baixo e pra cima, em seu emprego "semi-escravidão" no banco UBS. Ela já está cansada das 80 horas de trabalho semanais, do cubículo claustrofóbico e das detestáveis frases-do-dia de seu igualmente detestável chefe. Aos 27 anos, a impulsiva Bette tem a certeza de que não vai sentir saudades do emprego. Ela decide se arriscar: simplesmente pede demissão. Graças a um tio colunista social, Bette conhece a diretora da Kelly & Company, a agência de RP e Eventos mais bacana de Nova York. De uma hora para outra, ela tem um emprego novinho em folha, cuja principal exigência é ver e ser vista. As novas responsabilidades de Bette passam a ser - morra de inveja! - freqüentar as boates mais descoladas de Nova York e organizar as festas mais concorridas, de preferência as que atraiam celebridades como Jerry Seinfeld, Jay-Z e James Gandolfini.

Resenha: Este livro, para quem não sabe, é da mesma autora de O Diabo Veste Prada. Começarei então pelo ponto que eu já li este outro livro então, então farei uma breve comparação.

Realmente, a única coisa que difere os dois livros, é que em um a chefe é uma megera e no outro ela é super boazinha, em ternos de história. O restando é praticamente igual: uma mulher, um tanto insegura e que não tem nada em comum com o mundo das celebridades se vê trabalhando num local onde tem que ser vista namorando artistas, indo à balada todos os dias, e organizando festas. Um ponto positivo em relação ao O Diabo Veste Prada, é que neste livro, Bette, a protagonista, não fica horas e horas falando como sua chefe é cruel e como ela detesta seu emprego.

Apesar de que com certeza o livro poderia ter umas páginas a menos, já que tem umas descrições que achei um tanto descartáveis, e que a história demora um pouco a desenrolar. Acho que em certos momentos, a autora apenas quis ‘’encher lingüiça’’ e acabou falando coisas demais.

Não que eu ache que o livro tenha sido ruim. Tem um certo humor que me fez rir algumas vezes, um romance bonitinho, e também relata como as pessoas podem se distanciar sem querer. É uma história clichê? Sim, é. Mas é uma história que eu gosto.

Acho que o único ponto que não gostei muito do romance de Bette, que eu não falarei com quem é pra não contar spoiler, é que me pareceu que ela se apaixonou muito rápido. Mas depois achei que o sentimento ficou mais forte mesmo e não me importei muito com isso.

Achei legal também da autora mostrar, que as vezes é inevitável que amigos se separem. Seja pelo trabalho novo ou por uma mudança de cidade. Isso já aconteceu comigo: você não chega a perder o amigo, mas sente como se não fosse a mesma coisa, e que quer recuperar o tempo perdido.

No geral, achei o livro, como o da resenha anterior, bom para ser livro quando não se tem nada melhor. Quando você tá naquela fase de querer ler um romancezinho clichê para passar o tempo.

Nota: ☻☻☻☺☺ (Bom)

8 comentários:

  1. Oi! O livro despertou interesse em mim! Parece muito bom, e um tanto diferente, pena que você não gostou muuito, né? Acho que nunca li nada pra " passar o tempo " , tudo que li sempre foi agitado ou nada assim, rsr...

    Já assisti ao O Diabo Veste Prada, e gostei muito. Porém muita gente diz que o livro não é tão bom... Não faz muito tempo que soube que tinha o livro, mas ainda com críticas quero ler. Afinal, temos que tirar as nossas conclusões, apesar do receio.

    Beijos

    http://so-soline.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Andressa! Nunca li nada dessa autora, mas vejo reclamarem bastante das lenga-lengas que ela escreve, enchendo linguiça, como você citou. Esse livro parece bonzinho, mas acho que não tenho vontade de ler por enquanto.

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Pelo que você disse parece ser legal, mas nada demais! Aliás, os livros dessa autora no geral pelas resenhas que eu li são sempre assim, daquele tipo que dá pra ler! Apesar de alguns pontos legais abordados na história, com tanto livro bom por aí é preferível não perder tempo com esse!

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Oi Andressa!
    O livro me pareceu melhor do que O Diabo Veste Prada, pelo que você falou, mas acho que não leria.
    Acho que, apesar de provavelmente eu não me irritar nesse com a protagonista como me irritei com a Andy, ainda sim o livro me pareceria um pouco sem história, não sei!
    Parece uma boa opção mesmo de leitura pra passar o tempo!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Gostei da resenha, mas não consigo me interessar por esse tipo de livro de jeito nenhum. Já até tentei, mas meu estilo literário é outro mesmo. :X uashsausah
    Beeeijos

    Marina Oliveira
    http://distribuindosonhos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. O livro é uma boa opção. Não sei se pegaria pra ler, não escutei muita coisa boa sobre os livros da autora. :2

    Igor Gouveia
    http://25conto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Oi Andressa!
    Estou doida para ler os dois livros.
    O outro só assisti o filme e você comentou do afastamento dos amigos em relação ao trabalho isso acontece no outro também, né?

    Clichês existem por algum motivo, e querendo ou não são bons HAHA

    Adorei a resenha

    beijos e bom final de quarta
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  8. Uau, parece ótimo. =)

    e a resenha tá ótima. ;)
    Beijos.

    ResponderExcluir